BLOG

Twitter
Facebook

MACONHA PARA PRESIDENTE

20/12/2013 | Comentários (0) | Sociedade | Por: Altamir Tojal

A legalização das drogas tem de ser debatida na campanha eleitoral de 2014. Temos de exigir que os candidatos a presidente da república, aos governos estaduais e ao legislativo se pronunciem, tomem posição e se comprometam com esse tema.

Não sei se a nova legislação do Uruguai é boa ou ruim, se vai dar certo ou errado. Mas sei que estamos no pior dos mundos aqui no Brasil com relação às drogas.

A sociedade brasileira precisa dar a atenção necessária a isso, parar de desviar os olhos. Nossa legislação, que reflete a atitude leviana da sociedade, é preconceituosa e atrasada, fomenta o crime e a corrupção, aumenta barbaramente a conta do estado com segurança e com o sistema de saúde, resulta em sofrimento, discriminação, violência, prisões e mortes, principalmente dos jovens pobres.

A criminalização das drogas é uma das causas da transformação do sistema carcerário em um inferno. Prejudica o cidadão comum, ameaça a família, limita a liberdade de ir e vir, a alegria de passear, de andar nas ruas. É preciso debater e agir logo. Temos de exigir isso das organizações sociais, religiosas, dos médicos, dos partidos etc. Temos de exigir que os candidatos a presidente da república, aos governos estaduais e ao legislativo se pronunciem, tomem posição e se comprometam com esse tema.



Comentários

Nenhum comentário para esse post.
Deixe seu comentário agora.

Campos marcados com * são de preenchimento obrigatório

Digite os caracteres da imagem no campo abaixo

ESTE MUNDO POSSÍVEL © | Todos os direitos reservados.
Todos os textos por Altamir Tojal, exceto quando indicado.
Antes de usar algum texto, consulte o autor.